Escolha uma Página Menu

Vendas online: tudo sobre o mercado digital

17 jun 2020 | Finanças pós COVID-19

Existem situações que acontecem e nos tiram da zona de conforto, como, por exemplo, a atual crise econômica causada pela pandemia do COVID-19. Acredita-se que daqui para frente nossas relações pessoais e profissionais nunca mais serão as mesmas. O que nos leva a planejar novas formas de comunicação, relacionamentos e, também, a maneira como fazemos negócios, como, por exemplo, as vendas online.

Sobre esse assunto, já falamos anteriormente aqui no blog sobre 5 dicas para autônomos lidarem com falta de caixa, e agora, falaremos de uma forma mais profunda sobre o empreendedorismo digital e os principais pontos de atenção que devemos ter para realizar bons negócios no mundo virtual. Todo esse conteúdo foi elaborado pensando tanto em aprimorar as vendas online de autônomos e microempresários que já atuam nesse contexto, quanto para os que, infelizmente, foram prejudicados pelas leis de isolamento social e agora precisam se reinventar.

1 – Marketing Digital

Calma! Não é um bicho de sete cabeças. Separe um tempo da sua rotina para criar as redes sociais da sua empresa, e, caso você já tenha todos os canais digitais em dia, foque no seguinte:

  • Apresentação: o visual conta muito. Coloque uma foto de perfil que dê destaque para o seu logo. Logo, faça artes com fotos bonitas e atraentes. Pense o seguinte: o público quer ver o que você faz de melhor. Se você vende comidas, então coloque fotos dos seus pratos em um ambiente bem bacana. Se você é professora de inglês ou outra língua, comece postando dicas de leitura e escrita, aquele básico, sabe?

“Ah, mas, Geru, eu não sei mexer em ferramentas de edição e não tenho investimento para isso no momento”. Tudo bem, existem sites que fazem tudo por você! Nossa indicação aqui vai para o Canvas. A plataforma é bem intuitiva e conta com modelos de design prontos para serem usados e modificados de acordo com o seu gosto. Vale a pena avaliar o uso e agregar experiência visual ao seu produto/serviço.

  • Organização: deixe as principais informações com fácil acesso aos usuários: número de telefone, cardápio, WhatsApp, horário de funcionamento, entregas, site ou links para seus serviços. Geralmente essas informações ficam na “bio” de cada rede social. É lá que os usuários irão buscar a conexão com você.
  • Planejamento: faça um planejamento de posts de acordo com suas vendas. Se você quer fazer uma promoção, que tal fazer posts para gerar engajamento dos clientes? Outro exemplo: você só abre seu comércio aos finais de semana, então, já pensou em postar com frequência de quarta-feira em diante? Assim, seus posts ficam “frescos” no feed dos usuários.

2 – Atendimento

Se não estamos tendo contato físico, a única forma de falarmos com as empresas são os canais digitais. Ganhando cada vez mais força, a famosa “experiência do usuário” está valendo até mais do que os próprios produtos. Veja bem: se você recebe uma encomenda pelo WhatsApp, seja cuidadoso com as palavras que irá usar e como irá tratar seu cliente durante uma venda online.

“Geru, eu tinha funcionários que atendiam os clientes, e agora?”. Bom, já pensou em organizar escalas de atendimento virtual? Por exemplo, deixe cada funcionário responsável por responder uma rede social e troque essas funções de acordo com os dias da semana. Ao final, peça um relatório simples sobre como está o comportamento dos seus antigos e dos novos clientes. Essas conversas irão ajudar você e eles a evoluírem o produto e a maneira como vende-lo.

Lembre-se de algo muito importante: o “boca a boca” continua funcionando muito bem. Ou seja, você tem grandes chances de vender mais caso seus clientes indiquem você para amigos e familiares. E, para que eles indiquem, o atendimento perfeito é ponto chave para você ganhar esse “marketing gratuito”.

3 – Público-Alvo

Inicialmente foque no público que você já tem. Os clientes fiéis já são seus, os frequentes podem se tornar fiéis e, após manter a qualidade ao atender quem já te conhece, o foco é procurar novos caminhos. Seja oferecendo um produto novo, ou entregando seu produto em uma nova área e afins. Expandir é necessário, mas, vá com calma. O foco aqui é manter seu público-alvo perto de você.

Para isso, se relacione com ele. Envie algumas comunicações personalizadas para os seus contatos mais frequentes. Ofereça descontos, convide para LIVES, faça posts com eles e use a imaginação para envolver ao máximo aqueles que te conhecem e gostam do seu produto/serviço.

4 – Especialize-se

Não pense que apenas grandes cursos online podem te ajudar a melhorar suas vendas. online. Existem canais no YouTube que abordam temas finanças, finanças pós-COVID e como as vendas online podem incrementar na sua renda.

Se você preferir Instituições tradicionais e que possuem vasta experiência em cursos, experimente pesquisar no Sebrae, eles estão com cursos, por exemplo, sobre como vender pela internet na crise do corona vírus. 

Importante: fique atento aos seus canais favoritos no Instagram, YouTube e TV. Pelo menos 1 vez por semana eles farão algum conteúdo interativo no qual você terá liberdade para conversar, tirar dúvidas e contar sua história.

5 – Se precisar, procure ajuda

Para que suas vendas digitais funcionem bem, você precisa ter feito um planejamento financeiro. Avalie todos os tipos de despesas e gastos fundamentais para manter seu negócio funcionando.

Em alguns casos, você precisará de uma ajuda em forma de parceria. Sobre isso, fique ligado em nossos próximos conteúdos, falaremos mais sobre como construir parcerias nos negócios. Já em outros casos, você verá que precisa de uma ajuda financeira. Precisou de dinheiro rápido e com boas taxas? Então é hora de pesquisar e entender tudo sobre empréstimo rápido e confiável sem sair de casa.

Aqui na Geru oferecemos ofertas personalizadas para cada tipo de perfil. Ou seja, você fará o cadastro em nosso site e, a partir das informações fornecidas, analisaremos seu perfil e entenderemos melhor como podemos te ajudar. Todo o procedimento funciona pelo nosso site oficial, acesse: www.geru.com.br

%d blogueiros gostam disto: