Escolha uma Página Menu

Como fazer renda extra sem sair de casa

07 maio 2020 | Finanças pós COVID-19

Se você é autônomo, microempresário ou até mesmo um contribuinte CLT que teve jornada reduzida, você já parou para pensar se continuará apenas com o dinheiro que está recebendo? Provavelmente essa quantia diminuiu, mas, além das colaborações do Governo e das Instituições, existem outras maneiras de fazer renda extra. É aí que a criatividade entra e a esperança volta a fazer parte da nossa rotina. Vamos falar nesse texto um pouco mais sobre isso.

Dica número 1: venda itens parados 

Já parou para utilizar seu tempo em casa para arrumar objetos e itens que não estão mais sendo utilizados? Fazer aquela faxina nos armários e tirar aquelas roupas que você não usa mais pode ser uma alternativa boa para esse momento.

Além de fazer bem para você e para seu bem-estar emocional, “se livrar” desses itens pode te ajudar financeiramente. Junte esses itens e anuncie em aplicativos de venda. Você pode vender de tudo, tudo mesmo: de roupas, sapatos, produtos de beleza, peças de automóveis, câmeras, livros, móveis etc.

Uma boa estratégia de marketing é deixar o produto visualmente atrativo e criar uma descrição inteligente e simpática, assim, você tem mais chances de atrair possíveis compradores.

Dica número 2: ofereça serviços

Esse tempo em casa pode ser útil para outras atividades, como por exemplo: cuidar dos filhos dos vizinhos. Se você tem vizinhos com várias crianças e pode dar uma força, por que não ajudar e ainda fazer um orçamento extra? Conhece amigos que estão fazendo trabalho remoto e estão sem tempo para afazeres domésticos? Faça marmitas para eles ou cuide dos filhos ou pets. Assim, você os ajuda e ainda assim consegue ter dinheiro no bolso.

Dica número 3: entregas

Tem moto, carro ou bicicleta e está parado? Já pensou se vale a pena se tornar um colaborador em aplicativos e entregas? Ou até mesmo perguntar para o supermercado do seu bairro se eles precisam de uma ajuda com entregas. 

Esse tipo de trabalho está sendo valorizado em época de pandemia e pode te ajudar financeiramente.

Dica número 4: utilize as redes sociais

Esse tópico tem duas dicas importantes: os serviços que você pode prestar online, como aulas de idiomas, artesanato, pintura, artes, música etc; e o uso das redes sociais como indicação de serviços e produtos de amigos.

Por exemplo, se você tem algum amigo que faz trabalhos de comunicação digital, por que não indicar ele para aqueles comércios que precisam de uma melhoria na divulgação dos produtos nas redes sociais? Ou então, se você tem um familiar que faz trabalhos domésticos, como troca de torneiras, ajustes em portões ou até mesmo cortar grama, por que não os indicar em suas redes sociais?

As redes sociais possuem um poder muito grande de alcance orgânico. Sua ajuda pode ser fundamental para você e quem é próximo.

Muito importante lembrar que: em todas as situações acima, higienize objetos e lave bem as mãos.

Gostou das nossas dicas? Procure novas maneiras de reinventar atitudes e complementar sua renda. Aproveite melhor os seus dias e o tempo livre que você tem disponível. E, não se esqueça, é sempre bom aprender sobre educação financeira. Se precisar de alguma ajuda, conte com a Geru.

%d blogueiros gostam disto: